Contra as demissões de professores da PUC-RS

As mensalidades da PUC-RS aumentam todo ano e ensino está cada dia pior. Agora estão demitindo mais de 100 professores que comandam projetos de pesquisa e extensão!

74 pessoas já assinaram.
Ajude-nos a chegar em 100!
Clique para assinar

Nossa universidade está passando por um momento que merece toda atenção: nossos professores estão sendo demitidos. Com isso, nosso ensino é precarizado, tendo em vista todos os projetos de pesquisa e extensão que estão em processo de desmonte, cresce a superlotação de salas de aula e a sobrecarga dos professores que permanecem na PUC-RS.

A reforma administrativa acontece desde 2015 e tem servido como uma medida de enxugamento de recursos, aproveitando o período de férias para executar as arbitrárias demissões dos professores do quadro de pesquisa e extensão.

A universidade não buscou diálogo para tomar essa medida e não possui qualquer transparência em suas contas para o conjunto da comunidade acadêmica. A PUCRS segue a lógica do lucro acima da nossa formação acadêmica e do trabalho de mais de 100 professores.

A cada semestre a mensalidade aumenta, temos menos professores e, também, menos alunos.

No momento político em que vivemos, entre cortes de investimentos no PROUNI e FIES, não podemos deixar que a nossa universidade entre no caminho sem volta que é o desmonte da educação, pois ela é nosso direito. Estamos juntos na luta contra a mercantilização do ensino na PUC-RS. Educação não é mercadoria!