Todo apoio a Ocupação da Câmara de Belém

02/jul/2013, 18h25

* Por Juntos Brasil

A maré virou. Está agitada. A luta dos transportes foi o estopim para um novo tempo no Brasil. 2 milhões ocuparam as ruas no #20J, essa força garantiu a queda das tarifas no país, a derrota da PEC37, a corrupção como crime hediondo, entre outros. Os governos e suas negociatas estão apavorados. A Copa das Manifestações roubou a cena, corações e mentes. As altas tarifas e péssima qualidade, a repressão policial e o grito indignado de “Copa para que(m)?” nos indignou, nos mobilizou e colocou nosso movimento em outro patamar: o da vitória!

A velha política e os velhos acordos do poder não nos representam e não consegue dar as respostas que queremos. Na ocupação da Câmara Municipal em Santa Maria no RS a juventude deu uma aula, contra a CPI chapa branca da base do governo Schirmer que garantia a impunidade sobre as mortes causadas pelo incêndio da Boate Kiss. Saíram vitoriosos: o governo teve que recuar e aceitar a reivindicação do movimento. Em Imperatriz no Maranhão o movimento #ForaVBL tomou grandes proporções, garantiram nas ruas a quebra de contrato da prefeitura com a VBL (empresa privada que fazia o monopólio das linhas na cidade).

São tempos de ocupar as ruas, praças e Câmaras!

À exemplo de Belo Horizonte, foi a vez de da juventude indignada de Belém ocupar a Câmara Municipal e tem todo nosso apoio e solidariedade para garantir mais essa vitória: da redução imediata das tarifas e pelo passe livre!

Portanto , repudiamos a ação da Guarda Municipal de Belém, que a mando do presidente da Câmara de Vereadores, Ver. Paulo Queiroz(PSDB) e do prefeito Zenaldo Coutinho(PSDB) que usaram da violência e repressão desnecessária para com os manifestantes que ali estavam para lutar por direitos, expulsando-os a força.

A vitória para o movimento em Belém significa a vitória para o movimento nacionalmente, queremos passe livre nacional e queremos direito à cidade. A lição que só a luta muda a nossa vida foi dada. São novos tempos no Pará e no Brasil. OCUPAR E VENCER!

Juntos Brasil