A Medicina está na rua, UNICID a culpa é sua!

27/nov/2012, 14h41

Os estudantes de medicina da UNICID entraram em GREVE nesta sexta feira, pois foram surpreendidos no dia 22 de novembro por um aumento abusivo das mensalidades em 17%! Com isso o curso se tornaria uma dos mais caros do país, tendo a mensalidade de R$ 5.600,00.

Após perceberem a revolta dos estudantes, e início da movimentação dos alunos da medicina, a reitoria informou que foi um erro do departamento financeiro e que o aumento seria “apenas” de 9%. Só que aproximadamente 45% dos estudantes do curso de medicina possuem FIES (Financiamento Estudantil) e se a mensalidade aumenta, os fiadores não conseguem “segurar” o valor. Este é mais uma prova de que a educação é tratada como mercadoria, e os alunos são apenas uma fonte de renda segura pra grandes grupos empresariais do setor!

O histórico é revelador. Recentemente a UNICID foi vendida para o grupo UNICSUL, que já começa a aplicar várias medidas autoritárias, como aumento do valor de alguns cursos em 100%, logo no primeiro semestre. Os próximos passos nós conhecemos: demissão de professores com maior titulação; precarização do ensino; retirada de direitos dos estudantes; falta de democracia, etc.

Os estudantes se levantaram com o seguinte mote:
A UNICID ABUSOU E A MEDICINA PAROU!!

Todo apoio ao movimento dos estudantes! Pelo congelamento da mensalidade, melhorias no curso e DEMOCRACIA!
O Juntos! se solidariza com a mobilização dos estudantes!

 

Por uma educação que nos liberte!
Estamos Juntos!