O Recife vai parar!

09/abr/2014, 15h46

*Maria Augusta Brandão

O Sintraci (Sindicato dos Trabalhadores Informais) vem organizando vários atos dos ambulantes, em muitas partes do Recife. Suas principais pautas são a construção imediata do Shopping Popular e a saída do secretario de mobilidade urbana, João Braga.

Esses trabalhadores estão sendo covardemente retirados de seus locais habituais de trabalho e não estão sendo realocados em lugar algum, tirando o direito de trabalharem. Mais de 300 pessoas já tiveram suas barracas destruídas e retiradas na calada da noite.

O prefeito Geraldo Júlio, juntamente com o secretário de mobilidade, estão fazendo uma limpeza social para copa do mundo. Não há intenção alguma em garantir o direito do povo, uma vez que não aceitam negociar com os trabalhadores. Descaradamente, se pronunciam na mídia alegando que não irão se subordinar a minorias que não tem representação alguma.

Simone Cavalcante, estudante de psicologia da UNICAP, que também teve sua barraca apreendida, afirma que o secretário Braga, por ser formado em engenharia, deveria ser o primeiro a apresentar um projeto para os ambulantes do recife.

É evidente a exclusão social que os trabalhadores informais sofrem. Porém, também ficou muito clara, nesses últimos dias, a coragem que todos eles têm de lutar por seus direitos. A coragem do Ambulante vai ser o medo dos grandões.

*Maria Augusta Brandão é militante do Juntos! Pernambuco

Vem aí...

Acampamento Internacional das Juventudes em Luta: Rio de Janeiro, abril de 2017