URGENTE: Nota da ONG JUSTIÇA GLOBAL

12/jul/2014, 14h43

NOTA DA ONG JUSTIÇA GLOBAL SOBRE AS PRISÕES DE MANIFESTANTES
Na manhã de hoje, 12 de julho de 2014, 28 mandados de prisão temporária e dois de apreensão de menores estão sendo cumpridos pela Polícia Civil do Rio de Janeiro contra manifestantes e participantes dos protestos do último ano. Até o momento, já foram efetuadas cerca de 20 prisões.  Os mandados foram expedidos desde quinta-feira e cumpridos neste sábado, dia anterior a final da Copa do Mundo, para quando há um grande ato de rua marcado. Detidos e detidas, incluindo duas mães, estão sendo encaminhados para a “Cidade da Polícia”. Chegando na caçamba de camburões e sendo retirados sob a mira de fuzis.
Sua transferência para o Complexo Penitenciário de Bangu pode se dar ainda hoje. Dia no qual Defensoria Pública, Legislativo e outros órgãos do Estado que poderiam atuar contra esta arbitrariedade estão em regime de plantão, dificultando sua atuação. Fatos que, somados ao curto prazo de prisão, evidenciam o propósito único de neutralizar, reprimir e amedrontar aqueles e aquelas que tem feito da presença na rua uma das suas formas de expressão e luta por justiça social.

Fonte: JUSTIÇA GLOBAL

Vem aí...

Acampamento Internacional das Juventudes em Luta: Rio de Janeiro, abril de 2017