O povo não pode pagar pela Operação Lava Jato!

23/fev/2015, 14h18

*Maria Augusta

Só no começo deste ano, foram demitidos 200 trabalhadores no Porto do SUAPE. O Sindicato dos Metalúrgicos de Pernambuco está denunciando a demissão de trabalhadores nos estaleiros Atlântico Sul e Vard Promar. E de acordo com o presidente do sindicato, Henrique Gomes, somente o estaleiro Atlântico Sul demitiu 700 trabalhadores nos últimos meses. O motivo das demissões é a suspensão de recursos por parte da Transpetro, que é uma subsidiária da Petrobras.

11005984_894738547236878_1792745779_n

Não é a primeira vez que ocorre demissões, nem será a ultima. Em todos os estados em que possuem subsidiárias da Petrobras, haverá demissões e atrasos salariais. E todo esse congelamento dos salários e demissões em massa, só está acontecendo por causa da corrupção na Petrobras e a crise no nosso país.

Enquanto Empreiteiros e políticos desviam dinheiro, tirando o salário do bolso do trabalhador, vários desses trabalhadores tem que passar dias sem saber se o pouco que tem consegue sustentar sua família. Neste ano, está previsto para haver mais cortes em direitos. A situação vai apertar, não só pro trabalhador, mas para os estudantes, quando houver cortes em verbas para educação.

Por isso nós do Juntos, sabemos que essa luta não é apenas do trabalhador. É por isso que temos a clareza de que o povo não pode, em hipótese alguma, pagar a crise dos ricos. Estaremos nas ruas com os Metalúrgicos dia 02/03, contra as demissões e por mais direitos!

*Maria é militante do Juntos! Pernambuco

Vem aí...

Acampamento Internacional das Juventudes em Luta: Rio de Janeiro, abril de 2017