Viva a Primavera Estudantil no Paraguai por Democracia!

Camila Souza 29/set/2015, 20h49

Há alguns dias recebi notícias de companheiros paraguaios que a luta estudantil ganhava força na UNA (Universidade Nacional de Assunção). Depois de um grave escândalo de corrupção envolvendo o reitor Froilán Peralta, os estudantes deflagraram greve e ocuparam a universidade. Os últimos 5 dias têm sido agitados com muitas mobilizações.

Dentro e fora das universidades, a juventude se mobiliza. A luta por democracia real, contra os planos de retirada de direitos que as castas políticas corruptas imprimem, é internacional. E a juventude tem sido o elo mais dinâmico a dar respostas.

Nas universidades brasileiras em tempos de cortes da educação, os reitores tem tido pouca transparência nos gastos. Eles mantêm seus privilégios, enquanto os estudantes perdem bolsas. Sabemos que por aqui é preciso lutar contra essa falta de democracia. No Paraguai, hoje eles dizem que é preciso refundar a UNA. Estamos sintonizados.

Acredito que temos muito o que aprender com a luta que está  acontecendo lá. Trocar experiências com nossos irmãos latino americanos é fortalecer nossos laços de unidade por uma América Latina livre. Primeiro vamos juntos varrer as castas corruptas das reitorias de nossas universidades, depois do Congresso Nacional de cada país.

Embarco hoje para o Paraguai com muita alegria, entusiasmo e esperança para marchar ao lado dos estudantes paraguaios, levando toda a solidariedade dos estudantes brasileiros. A cada dia mandarei mensagens noticiando o que acontece por lá, para que eu possa dividir essa experiência com todos no Brasil.

Que a primavera paraguaia nos sirva de inspiração! Que a coragem deles de lutar nos contagie!

Camila Souza é militante do Juntos e 1° Diretora Executiva de Relações Internacionais da UNE, pela oposição.

Vem aí...

Acampamento Internacional das Juventudes em Luta: Rio de Janeiro, abril de 2017