Mais notícias! Segue a luta dos estudantes na UFPel!

27/maio/2011, 13h53

A Reitoria da Universidade Federal de Pelotas entrou com um pedido de reintegração de posse de seu prédio e ameaçou desocupá-lo até as 16h. Fez-se clara a opção do reitor de recorrer a justiça e à polícia,  ao invés do diálogo. A resposta dada às reivindicações dos estudantes foi a repressão. No entanto,  a justiça federal negou a liminar e a reintegração de posse!

Segue a luta dos estudantes! Cem pessoas ocupam a reitoria e, de acordo com o correspondente do Juntos! no local ainda mais pessoas estão a caminho!

Notícias anteriores…abaixo:

Alunos da UFPel prometem não sair da reitoria até que reitor se manifeste sobre assembleia

Cerca de 50 estudantes permanecem na reitoria desde a tarde de quinta-feira

Estudantes da Universidade Federal de Pelotas (UFPel) que passaram a noite na sala da reitoria para manifestar descontentamento com a infraestrutura da instituição prometem sair do local somente quando houver uma oficialização por parte do reitor sobre a realização de uma assembleia.

Cerca de 50 alunos permenecem no prédio da reitoria. Os manifestantes pedem uma assembleia com professores, servidores e alunos para discutir propostas entregues à reitoria.

As manifestações iniciaram no início da tarde de quinta-feira. A concentração foi na rua XV de Novembro, por volta das 13h. Dali, os alunos saíram em passeata. Eles passaram por prédios de vários cursos, onde outros estudantes foram se unindo ao protesto. O grupo se dirigiu até a reitoria da Universidade, no bairro Porto.

De acordo com os alunos, quase todos os 93 cursos da UFPel estão enfrentando problemas, como falta de espaço físico, professores, laboratórios e material para trabalhar.

Leia a lista de reivindicações aqui!

ZERO HORA