Nota de apoio e solidariedade aos garis do Rio de Janeiro demitidos pela Comlurb!

Juntos 15/maio/2015, 21h32

Nós do Juntos temos acompanhado e apoiado com entusiasmo a luta dos garis do Rio de Janeiro por salários dignos e melhores condições de trabalho. A greve vitoriosa da categoria em 2014, em pleno carnaval carioca, foi um fato marcante na conjuntura política nacional, mostrando ao conjunto da classe trabalhadora que a mobilização direta é o caminho para as vitórias.

Em março deste ano, mais uma vez os garis precisaram fazer greve para alcançar um aumento salarial de 8%, além de outros benefícios. Ao fim da greve, ficou acordado que os dias de paralisação seriam repostos e que nenhum dos líderes do movimento seria demitido.

No entanto, a Companhia Municipal de Limpeza Urbana (Comlurb) descumpriu esse acordo e já demitiu, alegando “justa causa”, um total de 70 trabalhadores que estiveram na linha de frente do movimento grevista. Trata-se de uma retaliação política inaceitável, um atentado claro ao direito de greve conquistado a duras penas pela classe trabalhadora brasileira. Com essas demissões, o Prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes (PMDB) tenta destruir o sindicalismo combativo que tem emergido das greves da categoria.

O Juntos! repudia a demissão das lideranças dos garis e exige da Direção da Comlurb e do Prefeito Eduardo Paes a IMEDIATA READMISSÃO desses lutadores. TODO APOIO AOS GARIS DO RIO DE JANEIRO!

GRUPO DE TRABALHO NACIONAL DO JUNTOS

Vem aí...

Acampamento Internacional das Juventudes em Luta: Rio de Janeiro, abril de 2017