UERJ também será paralisada

Theo Louzada Lobato 20/maio/2015, 00h37

Nessa terça feira (19/05) foi decidida em assembleia geral dos estudantes a paralisação estudantil entre os dias 20 e 29! Os 547 milhões cortados na educação, junto com uma política da reitoria de ignorar e reprimir o movimento estudantil e os estudantes de modo geral tem feito que a Universidade se torne um verdadeiro caos. Os atrasos e não pagamentos dos salários dos terceirizados, a não contratação de professores, a precariedade da infraestrutura no campus tem feito as condições de funcionamento da universidade como um todo ficar cada vez mais ameaçada, criando uma clara necessidade da organização dos estudantes.

Após a grande assembleia, com a presença dos diversos setores estudantis tivemos uma manifestação na rua contra o sucateamento da UERJ. Além da paralisação votada pelos estudantes do dia 20 até o dia 29, foi marcada uma nova assembleia para o dia 28.

A UERJ pode ter uma alternativa para barrar esse modelo de crise da universidade a ela imposta. A organização estudantil se mostra cada vez mais presente e necessária em tempos cada vez mais contraditórios para nossa educação. Precisamos da unidade estudantil que barre de uma vez por todas esse projeto de educação que temos contra as nossas Universidades!

Theo é estudante de Direito da UERJ e do Juntos RJ!