CONTRA OS CORTES NA UFRN, TODAS/OS AO CONSAD DO DIA 17/09

Anderson Andinho CastroJúlio Gabriel Pontes 15/set/2015, 12h45

Há dois meses atrás, o secretário de Ensino Superior do MEC, Jesualdo Farias reuniu com a reitora da UFRN, Ângela Paiva Cruz e propôs um corte de 50% nos investimentos e 10% no custeio no orçamento da universidade este ano.

O segundo semestre letivo de 2015 inicia com a reunião do Conselho Superior de Administração (CONSAD) da UFRN, que, ao aprovar diversos cortes no orçamento da universidade, no dia 27 de julho, segue a cartilha de reajustes de Dilma. Só o orçamento do Plano Nacional de Assistência Estudantil (PNAES) foi reduzido em R$3,5 milhões.

E a Majoritária do DCE, por que nada fez?

A direção majoritária do DCE (Kizomba, JAE, Para Todos) mesmo tendo tomado conhecimento da reunião na semana anterior ao CONSAD nada fez e sequer moveu-se para mobilizar os estudantes para evitar com que o corte fosse aprovado.

Isso porque na prática sempre estiveram dispostas a sustentar e defender os interesses da Reitoria e desse governo que vem passando a tesoura nos recursos da educação oriundos do nosso Tesouro, que é tão pouco!

Os primeiros cortes na UFRN irão prejudicar quem?

O corte se deu exatamente na Atividade “Investimento em Restaurantes Universitários e Áreas de lazer do complexo de Residências e áreas de convivência nos centros acadêmicos e unidades administrativas”, cujo orçamento anterior era de R$7 milhões.

Sabemos que, normalmente, quem faz uso dos restaurantes universitários e dos centros de convivência são os residentes universitários, estudantes que moram distantes da Universidade e não possuem alta capacidade financeira, dependendo muitas vezes, apenas, da alimentação oferecida no RU para terem um mínimo de conforto no seu dia a dia, sendo notório que os investimentos até então existentes já não são suficientes para um padrão de qualidade razoável, o que irá diminuir e muito com o corte aprovado pelo CONSAD.
As incoerências do governo “Pátria Educadora” não param e atravessam escolas e universidades, em especial, reitorias e DCE´s aparelhados, “protegidos” pela sombra protetora do Planalto.

Contra os Cortes Marcela 2#JuntosContraOsCortesNaUFRN
O Juntos, que constrói o campo de Oposição a majoritária do DCE, mostra na prática que é coerente na luta contra os cortes. Sendo assim, Daniella Araújo, Coordenadora Geral do DCE UFRN pela Oposição, solicitou pelo Centro Acadêmico de Educação Física que o CONSAD e a reitoria reconsiderem os cortes para não prejudicar os estudantes de nossa instituição que mais necessitam dos benefícios que serão negados pelas medidas adotadas pela Administração Superior da Universidade.

Vamos ao CONSAD barrar os cortes na UFRN
Convidamos a todas/ os a participar do próximo CONSAD, que irá ocorrer as 14h30 do dia 17 de setembro, na sala de conselhos da reitoria da UFRN para juntos barrarmos os cortes na universidade.

Vem aí...

Acampamento Internacional das Juventudes em Luta: Rio de Janeiro, abril de 2017